17/11/2013

O Problema Inverso

Em Física é comum problemas em que conhecemos a velocidade instantânea $v(t)$ entre um da instante de tempo $t_a$ e um instante final $t_b$ e termos que descobrir o espaço percorrido. Este problema é chamado de problema inverso ao estudarmos movimento unidimensional.

Para o cálculo da velocidade instantânea $v(t)$ em um trajeto, basta conhecermos a lei horária $x=x(t)$, o que nos leva à notação:
\begin{equation}
v(t)=\frac{dx}{dt}
\end{equation}
que é o limite da variação do espaço percorrido num espaço de tempo infinitesimal:
\begin{equation}
v=\lim_{\Delta t \rightarrow 0} \left [\frac{x(t_0+\Delta t)-x(t_0)}{\Delta t} \right ]=\lim_{\Delta t \rightarrow 0}\left (\frac{\Delta x}{\Delta t}\right )=\frac{dx}{dt}
\end{equation}
Se o movimento for uniforme, a velocidade instantânea se confunde com a velocidade média, sendo $v=\bar{v}=$constante, e podemos esboçar o gráfico como uma reta paralela ao eixo das abscissas:


Pela definição da velocidade média, temos que:
\begin{equation}
v=\bar{v}_{t_2 \rightarrow t_1}=\frac{\Delta x}{\Delta t}\Rightarrow
\Delta x=v\cdot \Delta t\Rightarrow
\Delta x=v(t_2-t_1)
\end{equation}
Vejam que o espaço percorrido equivalente à área do retângulo hachurado no gráfico $(v \times t)$ da imagem acima, compreendida entre a curva da velocidade que corta o eixo das ordenadas em $v$ e o eixo das abscissas limitadas pelos limites $t_a$ e $t_b$.

Podemos notar ainda que o retângulo pode aparecer sob o eixo das abscissas, que nos leva a um valor negativo para a área, o que significa simplesmente que $x(t_b) < x(t_1)$, correspondendo a um movimento para trás.

Para um movimento não-uniforme, em que $v$ é uma função qualquer de $t$, temos que analisar um pouco mais de perto. Num intervalo de tempo $[t_a,t_b]$, subdividimos em uma infinidade de intervalos de larguras $\Delta t_1$, $\Delta t_2$, $\Delta t_3$, $\cdots$, $\Delta t_i$, para $i=1,2,3,\cdots$ por pontos de divisão $t_1$, $t_2$, $t_3$, $\cdots$, $t_i$. Vejam que se tomarmos intervalos cada vez menores, haverá uma variação muito pequena da velocidade em cada um desses intervalos e a velocidade média se confunde com a velocidade instantânea, e assim podemos calcular a distância percorrida em cada intervalo:

\begin{matrix}
\bullet \Delta x_{{t_1}\rightarrow t_a}=x(t_1)-x(t_a)=\bar{v}_{{t_1}\rightarrow t_a}\cdot \Delta t_1\approx v(t_1) \Delta t_1\\
\bullet \Delta x_{{t_2}\rightarrow t_1}=x(t_2)-x(t_1)=\bar{v}_{{t_2}\rightarrow t_1}\cdot \Delta t_2\approx v(t_2) \Delta t_2\\
\bullet\Delta x_{{t_3}\rightarrow t_2}=x(t_3)-x(t_2)=\bar{v}_{{t_3}\rightarrow t_2}\cdot \Delta t_3\approx v(t_3) \Delta t_2\\
\end{matrix}
Somando membro a membro as relações acima, obtemos o deslocamento entre os espaços de tempo $t_a$ e $t_3$:
\begin{equation}
x(t_3)-x(t_a)\approx v(t_1)\Delta t_1+v(t_2)\Delta t_2+v(t_3)\Delta t_3
\end{equation}
Se o intervalo $[t_a,t_b]$ for subdividido em uma quantidade grande de intervalos, obtemos:
\begin{equation}
x(t_b)-x(t_a)=\sum_i v(t_i)\Delta t_i
\end{equation}
Se analisarmos a figura acima, cada retângulo equivale a um termo da soma $(5)$, que por sua vez corresponde à área entre o eixo das abscissas e a poligonal em "escada" inscrita na curva de $v$, no intervalo $[t_a,t_b]$.

A soma $(5)$ se aproxima melhor do resultado exato quanto menores forem as subdivisões $\Delta t_i$. Logo, no limite em que as subdivisões tendem a zero, obtemos:
\begin{equation}
x(t_b)-x(t_a)=\lim_{\Delta t_i \rightarrow 0} \sum_i v(t_i)\Delta t_i=\int_a^b v(t)dt
\end{equation}
que é a área entre a curva $(v \times t)$ e o eixo $Ot$ entre os limites $t_a$ e $t_b$.

Exemplo: Considere um móvel que se desloca segundo a equação: $\displaystyle v(t)=\frac{1}{2}t+2$. Calcular o deslocamento efetuado durante o espaço de tempo de $0$ a $10$ segundos.

O deslocamento do móvel pode ser obtido calculando a área do trapézio, dada pela semi-soma das bases multiplicada pela altura do trapézio. Assim:
\begin{equation*}
\Delta x \approx \frac{1}{2}(v_1+v_2)(t_b-t_a)=\frac{1}{2}(2+7)(10-0)=\frac{90}{2}=45m
\end{equation*}
Podemos também verificar o resultado utilizando a integral dada em $(6)$:
\begin{matrix}
\Delta x=\int_a^b v(t)dt=\int_0^{10} \frac{1}{2}t+2 dt\\
=\left [\frac{1}{4}t^2+2t \right]_0^{10}=\frac{1}{4}\cdot 10^2+2\cdot 10=\frac{100}{4}+20=45m
\end{matrix}

Referências:
[1] Curso de Física Básica V1 - Moysés Nessenzveig

Veja mais: 

Movimento Unidimensional
Equação Horária da Velocidade
Equação de Torricelli

2 comentários:

  1. No ensino médio, como os alunos ainda não sabem trabalhar usando integral, a gente ensina simplesmente que o cálculo da área em um gráfico Vxt corresponde ao ∆s. Este conhecimento é muito explorado nos vestibulares. Domingo passado, por exemplo, dia17, caiu uma questão na 1ª fase da Vunesp envolvendo justamente essa propriedade.
    http://vestibular.uol.com.br/correcao-online/#6840-457-78e
    Parabéns pelas explicações super bem feitas, como sempre.

    ResponderExcluir
  2. Oi Jairo. É, a integral é para o ensino superior, que no entanto, resolve qualquer problema. Mas para o ensino médio temos que nos limitar a curvas que geram áreas triangulares ou quadrangulares, como retângulos ou trapézios. Acho bom fazer essas postagem, pois resgato conceitos já um tanto esquecidos. Um grande abraço!

    ResponderExcluir

Por favor, leiam antes de comentar:

▪ Escreva um comentário apenas referente ao tema;

▪ Para demais, utilize o formulário de contato;

▪ Comentários ofensivos ou spans não serão publicados;

▪ Desde o dia 23/07/2013, todos os comentários passaram a ser moderados. Para maiores detalhes, veja a nota de moderação aqui;

▪ É possível escrever fórmulas em $\LaTeX$ nos comentários deste blog graças a um script da Mathjax. Para fórmulas inline ou alinhadas à esquerda, escreva a fórmula entre os símbolos de $\$$; Para fórmulas centralizadas, utilize o símbolo duplo $\$\$$.

Por exemplo, a^2 + b^2 = c^2 entre os símbolos de $\$\$$, gera:
$$a^2+b^2=c^2$$
▪ Para visualizar as fórmulas em $\LaTeX$ antes de publicá-las, acessem este link.

Redes Sociais

Arquivo do Blog

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...