02/03/2019

A cegueira e a morte de Leonhard Euler


Leonhard Euler nasceu em 15 de abril de 1707 em Basileia, Suíça e morreu em 18 de setembro de 1783 em São Petersburgo, Rússia.

Em 1766 Euler, com quase sessenta nos de idade, aceitou um convite da nova governante da Rússia, Catarina II, a Grande, para voltar a São Petersburgo. Embora a imperatriz concedesse a Euler todos os benefícios materiais possíveis, sua vida passou por terríveis acontecimentos e tragédias durante esse período.

A cegueira e a morte de Leonhard Euler

Em sua primeira estadia na Rússia, Euler perdera a visão do olho direito. De acordo com um relato, Euler perdera a visão porque observava o Sol sem proteger seus olhos, o que parece bem plausível. Mas em outro relato, fora por causa  do excesso de trabalho. O que corrobora esta versão é que em 1735, Euler foi acometido por uma febre muito grave, que foi diagnosticada por fadiga ocular, o que leva a crer que o problema já se manifestava mesmo antes dessa data.

Em sua segunda estadia na Rússia, em 1771, Euler perdeu a visão de seu outro olho devido a uma catarata posterior, e não por excesso de trabalho, segundo Ronald Calinger, professor de História da Universidade Católica da América e fundador da Sociedade de Euler. Neste mesmo ano sua casa pegou fogo, conseguido salvar apenas a si e seu manuscritos, apesar que muitos acabaram sendo perdidos. Uma operação de catarata logo após o incêndio restaurou sua visão por alguns dias, mas Euler parece não ter tomado os devidos cuidados e logo ficou totalmente cego. Euler teria brincado: "Isso é melhor ainda para minha pesquisa, porque menos coisas me distrairá". Cinco anos depois sua esposa morreu, mas Euler casou-se novamente aos setenta anos de idade.

Sua fenomenal memória permitiu a Euler continuar a trabalhar, mesmo completamente cego, quando produzira quase metade de suas obas totais. Sua produtividade rendera numerosos trabalhos, que formulava em sua cabeça e ditava a seus filhos e alunos. Diz-se que Euler era capaz de fazer contas mentalmente com números de cinquenta dígitos e podia memorizar longas sequências de argumentos matemáticos sem precisar de fato escrevê-los em papel. Seus trabalhos envolveram praticamente todos os ramos da Matemática.

Sua concentração permitia trabalhar em um problema difícil mesmo estando com os filhos no colo. Em 18 de setembro de 1783, estava calculando a órbita de Urano, recém descoberto, enquanto brincava com os netos. Teve um derrame cerebral e morreu instantaneamente.

A pronúncia em alemão é: "Lionard Óila". Ouça:


Contribuições de Euler para a Matemática

A biografia de Euler é muito extensa, devido à sua intensa contribuição à Matemática, que não foi pouca, passando praticamente por todos os ramos da Matemática. Calcula-se que suas obras reunidas (mais de 860 artigos) preencheriam de 60 a 80 volumes e por isso é considerado o matemático mais prolífico da história.

  • Integrou o Cálculo diferencial de Leibniz e o método de Newton
  • Refinou a notação de função, usando $f(x)$ para indicar uma função de $x$
  • Usou a letra sigma $\Sigma$ para adição
  • Criou notação como o $e$, $i$, o símbolo para pi ($\pi$)
  • Introduziu as funções transcendentais beta e gama
  • Trabalhou com Cálculos de Variações
  • Foi pioneiro em Topologia e Teoria dos Números
  • Descobriu uma relação entre o números de faces, arestas e vértices em poliedros regulares: $F+V=A+2$
  • Introduziu o uso de letras minúsculas, como $a$, $b$ e $c$ para os lados de um triângulo e maiúsculas para indicar os ângulos opostos
  • Introduziu as letras $r$, $R$ e $s$ para os raios dos círculos inscrito e circunscrito e o semiperímetro de um triângulo
  • Responsável pela mais bela relação matemática $e^{i\ \pi}+1=0$, onde relaciona as cinco constantes mais importantes da matemática, além das operações de soma exponenciação e multiplicação
  • Entre outras contribuições.

Links para este artigo:


Referências:


Veja mais:

COMO REFERENCIAR ESSE ARTIGO: Título: A cegueira e a morte de Leonhard Euler. Publicado por Kleber Kilhian em 02/03/2019. URL: . Leia os Termos de uso.


Siga também o blog pelo canal no Telegram.
Achou algum link quebrado? Por favor, entre em contato para reportar o erro.
Leia a política de moderação do blog. Para escrever em $\LaTeX$ nos comentários, saiba mais em latex.obaricentrodamente.com.

4 comentários:

  1. Olá, Kleber Kilhian!!!! Parabéns, meu amigo!!!! Ótimo trabalho sobre o fantástico matemático Leonhard Euler, e... OLHA,rsrsrsrs... finalmente, agora eu tenho a certeza de saber pronunciar o nome: Leonhard Euler, sem medo de errar!!!! KKKKKK!!!!!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Valdir! Euler foi realmente incrível, esta no top 4! Eu havia aprendido que a pronúncia seria "óiler", estava errado também. Um grande abraço!

      Excluir

Whatsapp Button works on Mobile Device only

Pesquise no blog